.e ele chegou.

Não entrou.
Não sentou.

Só me olhou.
Só rezou.

Me fez sorrir.
Me fez beber.
Me fez dançar.

Bebemos na calçada.
Dançamos na calçada.
Caímos na calçada.

Falamos do passado.
Falamos do presente.
E não pensamos no futuro.

Eu falei de mim.
Falei da escolha perdida.
Falei que tenho um grande amor para cuidar.

Eu sou uma pessoa má.
Aquariana desvairada.
Aquela que quase nunca volta atrás.

A hora passou tão depressa.
Já era hora de partir.
Mas quem iria? Ele ou eu?

Eu achei ele tão bonito.
Eu achei o céu tão bonito.
Só não me lembro deles.

Conversa de cordel.
Conversa informal.
Conversa esquisita.

Quem sabe eu volto.
Quem sabe depois da chuva.
Quem sabe…

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s